---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Símbolos

Publicado em 07/01/2014 às 17:58 - Atualizado em 14/01/2014 às 07:39

Brasão:

De autoria de Pedro José Francisco, foi criado através Lei nº 196 de 13 de junho de 1977. Possui as seguintes características:

No 1º quadrante com fundo em vermelho, um machado, uma enchada e uma carabina, simbolizando o desenvolvimento com as rústicas armas de defesa e ferramentas de trabalho, no 2º quadrante com fundo em azul, uma cruz de cor marron, traduzindo a fé predominante desde os tempos mais remotos, no 3º quadrante com o fundo em amarelo, um bovino e um suino, representando a principal economia do Município, desde os tempos mais remotos de sua existência, no 4º quadrante, com fundo em verde claro, vários desenhos de pedras, representando as jazidas de minérios existentes no Município, ao lado direito do escudo um pé de milho, representando o principal produto agricola cultivado neste município, ao lado esquerdo do escudo três troncos e um pé de fumo, que representa também uma das principais atividades economicas deste município, na parte alta do escudo a Torre, representando a hierarquia e autonomia Municipal, na parte baixa do escudo em faixa em forma de meia lua, indicando a data de fundação deste Município.

Bandeira:

A Bandeira do município foi criada através Lei nº 196 de 13 de junho de 1977.

A mesma deve ter as seguintes dimenções: 1,20 metros - 0,80 centimetros, sendo as laterais em verde escuro e a faixa central em branco, sendo as três faixas na mesma dimensão.

Hino do Município:

O Hino do município foi instituído pela Lei nº 415 de 19 de outubro de 1987. É de autoria de Margarida Marcos Warmling e melodia de José Acácio Santana.

Segue a Letra na íntegra: 

I - Neste Canto de Paz e Carinho

Nos queremos alegres saudar

Nosso berço natal São Martinho

Terra Mãe que se fez nosso lar

 

 

Estribilho:

São Martinho, passado e presente

Es a historia de um povo que diz:

Precisamos olhar para a frente

Construindo um futuro feliz

 

II - A primeira semente de vida,

Que o passado plantou com suor

Não ficou sobre a terra esquecida,

Mas deu fruto e tornou-se maior.

 

III - Este Povo que luta e trabalha

E do céu sempre tem proteção

É o grande valor que não falha

Desta grande e feliz construção

 

IV - A riqueza da mãe natureza

Protegida por céu tão azul

Faz ainda maior a beleza

Deste lindo pedaço do Sul.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Galeria de Audios


Localização